ENTREVISTA COM O DESENHISTA MAURICIO NOBRE

 

1-) Quando você se interessou pelo desenho?

     Desde da alfabetização, nos meus cadernos de caligrafia era todo desenhado. Eu vivia tomando esporro dos meus pais.

Exibindo Colibri e os hibiscos (2).jpg

Colibri e os hibiscos

por Mauricio Nobre

2-) Você fez curso de desenho ou é autodidata?  Sou autodidata

Exibindo Águia II.jpg

Águia

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

3-) O que o Mauricio gosta mais de desenhar: observação da natureza (no sentido amplo — pessoas, prédios, carros, máquinas, plantas, etc), cópia de fotos, etc.?

    Pessoas, animais e alguma coisa de surrealismo

 

Cabeça de Cavalo

por Mauricio Nobre

Exibindo Cabeça de  Cavalo (1).jpg

4-)Você já possui uma experiência profissional. Conte-nos um pouco da sua trajetória?

    Em desenho, tenho muito pouca experiencia profissional, trabalhei para uma empresa de publicidade, a Performance Publicidades. Era uma empresa pequena, eu criava logomarcas, trabalhei fazendo retratos e faixas na campanha do Leonel Brizola em 1982.

Exibindo Caburé.jpg

Caburé

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

5-) Ultimamente, os desenhistas estão usando às novas tecnologias para ilustrar e criar novas possibilidades. O que você acha das novas tecnologias?

    Eu acho muito válido usar qualquer recurso para elaborar um trabalho, mas, sou meio conservador, eu continuo fazendo meus trabalhos na base do sentimento, uso muito lápis 4B, 6B, 9B, lápis de cores, nanquim, etc...

 

Exibindo Colored Hawk (1).jpg

 Colored Hawk

por Mauricio Nobre

Colo-) Como estamos falando de traço e desenho (e novas tecnologias), quem (ou quais) artistas que você acha que manda ver na arte de desenhar? Gosto muito de KQ. Sou fã de carteirinha do Frank Frazetta, John Buscema, Watson Portela, Moebius, gosto muito do Roger Dean. 

Exibindo Leão Branco (1).jpg

Leão Branco

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

7-) Cada um tem uma forma de trabalhar, mas como o Maurício se inspira para fazer seus desenhos?

   Eu observo de tudo um pouco, tudo que vejo no meu dia a dia, me serve como fonte de inspiração.

 

Colorfull Bird

por Mauricio Nobre

Exibindo Colorfull bird (1).jpg

8-) Qual o seu hobby preferido?

   Tocar violão, embora não toque bem.

Exibindo Zafira (3).jpg

Zafira

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

9-) O que você recomendaria para quem gosta de desenhar, mas está apenas começando?

    Persistir sempre! Procure sempre fazer o próximo desenho melhor que o anterior.

 

Elefante Baby

por Mauricio NobreExibindo Elefante baby (1).jpg

10-) Com a experiência de artista que você já adquiriu ao longo do tempo, ou seja, você já viu muita coisa no mundo dos desenhos e das artes plásticas. Qual sugestão você daria para dar mais visibilidade ao trabalho dos artistas?

    Hoje em dia esta até mais fácil, devido a velocidade e volume de informações nas redes sociais. Então abuse delas, desenhe e exponha nessas redes, uma coisa é certa alguém irá ver. Isso aconteceu e acontece comigo. 

Exibindo Cavalo de costas.jpg

Cavalo de Costas

por Mauricio Nobre

 

11-) Para encerrar, como você vê o mercado de ilustração e quadrinhos no Brasil? Quais são suas perspectivas para 2015?

     Eu estou entrando nesse mercado agora, estou ilustrando um trabalho de um amigo (Rogério Ramos), é uma história em quadrinhos narrada no século XVII, tudo se desenrola paralelamente com a inconfidência mineira. Mas, hoje em dia temos muito bons artistas, a tendência é crescer, cada vez mais e mais.

 

12-) Você gostaria da acrescentar alguma coisa?

      Gostaria apenas de acrescentar aos novos artistas que estão surgindo, é que não importa o que digam, busque sempre o seu sonho, persista sempre. Que 2015 venha trazendo boas energias e novas esperanças.

 

Abraço!

 

Agradeço ao desenhista Mauricio Nobre por ter concedido esta entrevista.

Sucesso!

Paulo Marques

 

 





 

1-) Quando você se interessou pelo desenho?

     Desde da alfabetização, nos meus cadernos de caligrafia era todo desenhado. Eu vivia tomando esporro dos meus pais.

Exibindo Colibri e os hibiscos (2).jpg

Colibri e os hibiscos

por Mauricio Nobre

2-) Você fez curso de desenho ou é autodidata?  Sou autodidata

Exibindo Águia II.jpg

Águia

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

3-) O que o Mauricio gosta mais de desenhar: observação da natureza (no sentido amplo — pessoas, prédios, carros, máquinas, plantas, etc), cópia de fotos, etc.?

    Pessoas, animais e alguma coisa de surrealismo

 

Cabeça de Cavalo

por Mauricio Nobre

Exibindo Cabeça de  Cavalo (1).jpg

4-)Você já possui uma experiência profissional. Conte-nos um pouco da sua trajetória?

    Em desenho, tenho muito pouca experiencia profissional, trabalhei para uma empresa de publicidade, a Performance Publicidades. Era uma empresa pequena, eu criava logomarcas, trabalhei fazendo retratos e faixas na campanha do Leonel Brizola em 1982.

Exibindo Caburé.jpg

Caburé

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

5-) Ultimamente, os desenhistas estão usando às novas tecnologias para ilustrar e criar novas possibilidades. O que você acha das novas tecnologias?

    Eu acho muito válido usar qualquer recurso para elaborar um trabalho, mas, sou meio conservador, eu continuo fazendo meus trabalhos na base do sentimento, uso muito lápis 4B, 6B, 9B, lápis de cores, nanquim, etc...

 

Exibindo Colored Hawk (1).jpg

 Colored Hawk

por Mauricio Nobre

Colo-) Como estamos falando de traço e desenho (e novas tecnologias), quem (ou quais) artistas que você acha que manda ver na arte de desenhar? Gosto muito de KQ. Sou fã de carteirinha do Frank Frazetta, John Buscema, Watson Portela, Moebius, gosto muito do Roger Dean. 

Exibindo Leão Branco (1).jpg

Leão Branco

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

7-) Cada um tem uma forma de trabalhar, mas como o Maurício se inspira para fazer seus desenhos?

   Eu observo de tudo um pouco, tudo que vejo no meu dia a dia, me serve como fonte de inspiração.

 

Colorfull Bird

por Mauricio Nobre

Exibindo Colorfull bird (1).jpg

8-) Qual o seu hobby preferido?

   Tocar violão, embora não toque bem.

Exibindo Zafira (3).jpg

Zafira

por Mauricio Nobre

 

 

 

 

 

9-) O que você recomendaria para quem gosta de desenhar, mas está apenas começando?

    Persistir sempre! Procure sempre fazer o próximo desenho melhor que o anterior.

 

Elefante Baby

por Mauricio NobreExibindo Elefante baby (1).jpg

10-) Com a experiência de artista que você já adquiriu ao longo do tempo, ou seja, você já viu muita coisa no mundo dos desenhos e das artes plásticas. Qual sugestão você daria para dar mais visibilidade ao trabalho dos artistas?

    Hoje em dia esta até mais fácil, devido a velocidade e volume de informações nas redes sociais. Então abuse delas, desenhe e exponha nessas redes, uma coisa é certa alguém irá ver. Isso aconteceu e acontece comigo. 

Exibindo Cavalo de costas.jpg

Cavalo de Costas

por Mauricio Nobre

 

11-) Para encerrar, como você vê o mercado de ilustração e quadrinhos no Brasil? Quais são suas perspectivas para 2015?

     Eu estou entrando nesse mercado agora, estou ilustrando um trabalho de um amigo (Rogério Ramos), é uma história em quadrinhos narrada no século XVII, tudo se desenrola paralelamente com a inconfidência mineira. Mas, hoje em dia temos muito bons artistas, a tendência é crescer, cada vez mais e mais.

 

12-) Você gostaria da acrescentar alguma coisa?

      Gostaria apenas de acrescentar aos novos artistas que estão surgindo, é que não importa o que digam, busque sempre o seu sonho, persista sempre. Que 2015 venha trazendo boas energias e novas esperanças.

 

Abraço!

 

Agradeço ao desenhista Mauricio Nobre por ter concedido esta entrevista.

Sucesso!

Paulo Marques